domingo, 1 de março de 2009

o ser humano e a sua frustação

O objectivo deste trabalho era falarmos sobre o ser humano.
Eu escolhi este tema "a frustação" porque é algo muito evidente no ser humano.
Depois também associei a mim mesma. Eu quando era mais nova tive aulas de música, e tocava piano. E o meu problema era o nervosismo sempre que actuava em público. Nunca toquei uma peça em condições; enganava-me sempre. Ainda hoje falar diante de pessoas "assusta- me " .
Portanto eu usei o tema Moonlight Sonata de Beethoven, pois é uma música muito marcante e de certa forma frustante.
No vídeo a ideia é eu entrar em palco e tocar essa música, mas sem um público. Como se fosse algo imaginário. Mas mesmo assim os nervos são muitos e engano-me repetidamente. Isso pode ser visto como algo frustante para a pessoa em causa.
Como falho muito, eu saio a meio da música e começa a dar a música original, e há uma tentativa de suicídio, que depois é repensada e não é finalizada.
Isto já não é nada pessoal, nunca tive essa ideia em mente, mas poderá ser a frustação de muitos que realmente vivem para aquilo e lhes poderá acontecer isso.
Para este trabalho tive de pedir ao director do museu Abade Pedrosa, para fazer as filmagens e poder utilizar o piano que lá estava.
Na 1ª parte do trabalho as filmagens foram feitas pela minha amiga Vânia, e as restantes foram feitas por mim, assim como a montagem também.


video